domingo, 14 de julho de 2013

Drenagem linfática em cápsulas reduz quase 2 cm do quadril





Ideal para eliminar a gordura localizada e limpar a pele das toxinas acumuladas entre as células, a drenagem linfática também é capaz de melhorar o aspecto geral da cútis, deixando-a saudável e bonita após algumas sessões. O que muitas mulheres ainda não sabem é que para receber todos os benefícios dessa técnica não é mais preciso ficar horas a fio numa clínica estética. Isso porque o procedimento agora pode ser realizado via oral, por meio de pílulas, com a mesma eficácia da massagem convencional.

Desenvolvida com base nas propriedades do fruto do cacto da espécie Opuntia ficus-indica (fonte de aminoácidos, antioxidantes, minerais e vitaminas que regulam o funcionamento do sistema linfático), as cápsulas atuam diretamente na atividade diurética do organismo, deixando o corpo livre dos temidos pneuzinhos provocados pelo inchaço. Além disso, a nova técnica ainda combate a celulite ao estimular a eliminação do excesso de líquidos, por meio da urina, sem provocar queda na taxa dos minerais, substâncias essenciais para manter o metabolismo em ordem.


“Com função de quebrar as células de gordura e promover a diminuição de medidas, a drenagem linfática em cápsulas aumenta os níveis de antioxidantes no corpo e pode reduzir a circunferência do quadril em até 1,9 cm”, explica Claudia Coral, farmacêutica da Galena – desenvolvedora da novidade. Para conquistar o resultado é recomendado o consumo de uma pílula de dois gramas, por dia. No entanto, antes de adquirir o produto é imprescindível procurar orientação médica.

Hábitos associados
Adquiridas em farmácias de manipulação de todo o Brasil, as cápsulas redutoras de medidas corporais não fazem efeito sozinhas. Para chegar à nova forma, elas devem ser sempre associadas à alimentação balanceada e à prática constante de exercícios físicos. “Além desses hábitos saudáveis, a ingestão das pílulas funciona muito bem quando aliada à drenagem convencional, pois potencializa a diminuição das medidas", indica a especialista.

Quem optar por trocar o tratamento manual pelas cápsulas antioxidantes precisará gastar R$ 150, por mês. Contudo, assim como o método feito em casas especializadas, a drenagem linfática via oral também deve ser continuada mesmo após afinar a silhueta para manter o corpo enxuto. “A diferença é que as pílulas agem de forma prática e sem deixar marcas, permitindo que a mulher não abra mão de sua rotina normalmente”, completa Claudia.

Agência Hélice
Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário