A partir dos 40 anos, diversos problemas cutâneos começam a surgir, acompanhados de muita preocupação e de alguns cuidados especiais com a pele. Nesta fase, as linhas de expressão passam a ganhar mais espaço no rosto, assim como a implacável flacidez. Para auxiliar na luta contra esses sinais, o que não faltam são tratamentos estéticos capazes de combater as rugas existentes, prevenir o surgimento de outras e dar mais firmeza e hidratação à pele do rosto.
“O procedimento ideal para cada caso deve ser indicado por um especialista. O lifting, por exemplo, é indicado entre 40 e 65 anos, quando a pele tende a ficar mais flácida”, explica Angélica Pimenta, dermatologista e especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Toxina Botulínica
Indicação: combate rugas e linhas de expressão.
Benefícios: para rugas estáticas, a toxina aplicada com frequência suaviza as marquinhas presentes no rosto, podendo até eliminá-las se associada a outras técnicas. Também é eficaz no combate a rugas dinâmicas, que ainda não estão “fixas”, deixando a pele lisinha e prevenindo o surgimento de outras.
Quantidade de sessões: apenas uma, realizada novamente a cada três ou seis meses. Os resultados começam a aparecer de três a cinco dias após a aplicação. Em 15, já é possível visualizar a ação completa.
Lifting
Indicação: combate à flacidez da pele e falta de elasticidade.
Benefícios: melhora global do aspecto cutâneo em relação à flacidez e ao contorno facial, sem interferir na qualidade da pele.
Quantidade de sessões: como se trata de uma cirurgia de correção facial, costuma ser realizada apenas uma vez. Os resultados começam a ser vistos após sete dias, porém, a face apresentará melhor aspecto a partir de três meses.
Laser para estimular a produção de colágeno
Indicação: recuperação de colágeno, principalmente em quem tem a pele muito branca ou fotoenvelhecida.
Benefícios: melhora a textura da pele, promove o fechamento de poros, além de diminuir manchas, rugas e flacidez.
Quantidade de sessões: em media, três sessões, realizadas a cada 30 ou 45 dias. Após uma semana, já é possível ver os resultados que se tornam duradouros, principalmente se houver cuidados específicos com a pele como hidratação e uso de fotoprotetores.
Radiofrequência
Indicação: eliminação da flacidez e celulite.
Benefícios: aumenta a temperatura do tecido para que ele alcance cerca de 40ºC, desencadeando uma sequência de reações fisiológicas. O aquecimento induz o aumento da circulação e oxigena melhor o local, estimulando a formação de colágeno, aumentando a firmeza da pele e melhorando o aspecto da celulite.
Quantidade de sessões: de quatro a dez sessões dependendo do objetivo a ser alcançado e dos tratamentos associados. Os intervalos de aplicação são de, no mínimo, 15 dias. Em casos de celulite, as sessões podem ser realizadas semanalmente.
Hidratação com ouro 24K
Indicação: recuperação da hidratação cutânea.
Benefícios: age nos canais de ureia, regenerando e dando luminosidade ao tecido cutâneo. Além disso, as partículas de ouro utilizadas trabalham na síntese do colágeno e da elastina, fornecendo maior hidratação.
Quantidade de sessões: quatro sessões com intervalos de uma semana entre elas. Os resultados podem ser vistos a partir de sete dias e tendem a ser mais duradouros com cuidados específicos como hidratação, cápsulas orais antioxidantes e uso de protetores solares.

Agência Hélice
Terra