sexta-feira, 27 de junho de 2014

Descubra o tratamento estético ideal para cada fase da vida


                       




Marília de França Gonçalves
marilia@zahra.com.br

É fundamental cuidar da pele desde cedo. “Da adolescência à fase madura, a pele do rosto e o do corpo exigem cuidados especiais que garantam viço, elasticidade e hidratação”, afirma a esteticista Marília Gonçalves, do Zahra Spa & Estética. E quanto antes à mulher se dedicar aos cuidados diários, mais tranquilo será para evitar os sinais do envelhecimento.  Por isso, os cremes não devem ficar apenas decorando a prateleira do seu banheiro, além disso, nas clínicas estéticas muitos aparelhos prometem dar uma mãozinha quando o assunto é beleza. Confira: 




Dos 15 aos 20 anos 
Nessa idade, as células da pele contêm fortes ligações de colágeno e elastina, que lhe proporcionam firmeza e brilho. 
Dica: hidrate a pele diariamente com um produto que contenha um FPS 15. Também já é indicado apostar em uma limpeza de pele facial, realizada por uma esteticista que poderá escolher produtos hidratantes e antioxidantes de acordo com o tipo de pele. “A frequência da limpeza depende do tipo de pele. Quem tem espinhas, precisa do tratamento uma vez por mês”, comenta Marília. 




Dos 25 aos 30 anos
A pele pode ficar mais seca, devido à diminuição da produção de colágeno e elastina. “A partir dessa fase, as células começam a diminuir suas atividades, gerando o aparecimento de linhas de expressão e redução da hidratação”, explica a esteticista. Nessa fase, a pele do corpo também requer mais cuidados para evitar o aparecimento ou aumento de celulite, flacidez e estrias.  
Dica: Apostar em uma solução de limpeza suave em substituição ao sabonete e, em seguida, aplicar um hidratante com FPS. Também vale escolher um creme noturno rico em nutrientes e em um produto para a área dos olhos que ajudará a reduzir o inchaço e as olheiras. Para o corpo, que tal uma drenagem linfática, um método de massagem realizado com pressões leves, suaves, rítmicas, lentas e precisas, que seguem o trajeto do sistema linfático, mobilizando a linfa até os gânglios linfáticos. “Ela drena os líquidos acumulados, melhorando a circulação e a oxigenação dos tecidos”, afirma Marília. 




Dos 35 aos 45 anos
A pele fica visivelmente mais seca e inicia a perda de elasticidade. Linhas mais profundas podem se formar ao redor da boca e dos olhos. Nessa fase, o corpo também começa a dar sinais de envelhecimento. Celulite, estrias, gordura localizada devem ser tratadas para não evoluírem. Alimentação balanceada e atividade física regular também ajudam a minimizar os efeitos naturais da idade. 
Dica: Aposte em um hidratante livre de óleos em sua rotina diária. Evite exposição ao sol, pois em alguns casos, mesmo usando filtro solar, a pele pode ficar manchada. Se possível, use chapéus e echarpes para proteger seu rosto, mesmo se estiver usando protetor solar. “A flacidez facial é um problema característico do envelhecimento cronológico. Existem, porém, meios de retardar e aliviar seu aparecimento, incluindo o uso de produtos com ativos apropriados. Há tratamento estético que combina corrente russa computadorizada, ionização com vitamina C e máscara tensora”, diz Marília. 
Para gordura localizada que, geralmente, se instalam em determinadas regiões do corpo como quadril, cintura, glúteos e barriga há uma série de tratamentos estéticos. Um deles é o Manthus: uma técnica de ultrassom associada a um estímulo elétrico. “Essa associação faz com que a gordura saia de dentro da célula adiposa, caia na circulação sanguínea e seja eliminada pela urina e suor, por meio da eletroporação”, explica Marília. O tratamento é capaz de reduzir medidas e melhorar o aspecto de ondulação da pele. 
Dos 45 anos em diante 
Acima dos 45 anos, a pele começa fica mais fina e frágil. Nessa fase, também é preciso intensificar os cuidados com o corpo. Hidratação com proteção solar é essencial para manter a pele nutrida e protegida. Evitar água quente e sabonete também ajuda a manter a pele mais viçosa, pois ambos tendem a deixa-la muito ressecada. 
Dica: Nessa fase, o laser de CO² é um dos equipamentos mais efetivos para o rejuvenescimento. Ele minimiza as manchas, melhora o aspecto das cicatrizes e das estrias. “O tratamento estimula a remodelação do colágeno e contração da pele, o que provoca diminuição da flacidez”, avalia Marília. 

Saiba mais sobre sua saúde.   Fonte: Minha Saúde Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário