quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Diferença de idade no relacionamento: ajuda ou atrapalha?

Terapeuta dá dicas para lidar com o preconceito e transformar a questão em algo positivo




Quando o assunto é amor, não há regra. Casais com grande diferença de idade são mais comuns, contudo a questão ainda é um tabu para muitas pessoas, principalmente se a diferença ultrapassa os dez anos. Segundo a terapeuta comportamental Ramy Arany, a sociedade está muito mais aberta a aceitar que a idade não é impedimento para o amor, mas é preciso compreender o que a diferença pode significar na vida a dois.

Amadurecimento deve ser a palavra de ordem em um relacionamento desse tipo. "Quando um casal é maduro, independente da idade, a convivência tende a ser harmônica e as possíveis dificuldades em relação à diferença não serão valorizadas pelo casal", explica a terapeuta.
A diferença de idade pode ser algo positivo para o casal / Crédito: ThinkstockA diferença de idade pode ser algo positivo para o casal / Crédito: Thinkstock

Preconceito

Comentários preconceituosos são menos frequentes mais ainda existem e, em alguns casos, eles vêm da própria família. "Não dá para controlar a opinião das pessoas, e por isso o casal deve ter paciência para que o tempo dê um jeito de mostrar para a família que os dois se amam e que é isso que realmente importa", ressalta Ramy. Ainda segundo a terapeuta, quando há valores essenciais, como o amor, a sinceridade, a amizade e o desejo, a relação se fortalece independente do preconceito. "Quando isto existe a diferença de idade não atrapalha e o casal lida com ela de forma simples e natural. Essa questão pesa quando não há equilíbrio na relação", defende.

Transforme em algo positivo

Segundo a terapeuta comportamental, é possível transformar a diferença de idade em algo positivo. "São pessoas que somente nasceram e viveram em ciclos de tempo diferentes e com isto podem e devem somar experiências de vidas", afirma.

Leia também
fonte: bolsademulher

Nenhum comentário:

Postar um comentário